COTE BLANCHE, LUISIANA
MINERAÇÃO DE SAL SUBTERRÂNEO

Geólogos acreditam que há 300 milhões de anos, um oceano estreito de água salgada cobria o que é agora Texas, Luisiana e Mississippi. Com a evaporação da água, um vasto lençol de sal foi deixado para trás, que então foi coberto por milhares de metros de sedimentos. Uma vez que a densidade de sal é inferior ao material circundante, o sal foi movido para cima ao longo das eras geológicas, formando repositórios. Há milhares de anos, estes repositórios romperam os pântanos da superfície em diversos locais. Quando o acúmulo de água converteu o pântano na costa da Luisiana, os repositórios tornaram-se as cinco ilhas conhecidas como Cote Blanche, Avery, Weeks, Belle Isle e Jefferson. Em 1961, a mineração de sal começou em Cote Blanche e, em 1990, a mina se tornou parte da família Compass Minerals.

A Cote Blanche produz sal-gema a partir de depósitos a 457 metros abaixo da terra, que é o equivalente a quatro campos de futebol, de ponta a ponta, e para baixo. As barcaças da mina fornecem sal para uma rede extensa de depósitos, ao longo do Mississippi e dos rios de Ohio, que se estende por todo o caminho até Minnesota e Pensilvânia, onde o sal é usado pelo governo e empresas para o degelo de estradas. O sal também é vendido a fabricantes de plásticos, detergentes, desinfetantes e outros produtos importantes. A mina de sal de Cote Blanche é a maior produtora entre as três grandes minas de sal da Luisiana e produz quase 15% do sal para degelo para as estrada da América.

1382 Cote Blanche Island
Franklin, Louisiana 70538
337.923.7514